terça-feira, novembro 20, 2007

Vidas reais

Aqui há dias senti-me um verdadeiro Artur Albarran nos seus melhores momentos...
Quando fui buscar a pequena à pré eis que ela me surge com passos pequeninos e olhos virados para o chão. Estranhando, olhei para a auxiliar que me sussurrou que ela tinha tido uma cara feia ao almoço (é um jogo em que conforme o comportamento deles à mesa ganham umas caras que colocam num cartaz. Umas alegres, outras tristes, outras assim assim). As primeiras palavras dela para mim foram:
- Mas eu comi a sopa tão bem, tão bem, tão bem...
Assim com a voz a sumir-se no final! E então: o drama, o horror, a injustiça, o espírito Albarran a encarnar em mim...
- Então se comeste a sopa porque é que levaste uma cara feia?
- Porque me levantei da mesa.
- Ah, levant..
- Mas foi só um bocadinho. E eu comi a sopa toda - interrompeu-me ela.
Na subtil conversa com a auxiliar ela lá me explicou que ela até nem merecia a cara feia, mas como os outros também disseram que ela se tinha levantado... teve que ser.
Mas foi um problema: foi a primeira vez desde que entrou para a pré que teve uma cara feia e durante todo o fim de semana disse-o a quem encontrava, à procura de compreensão.
Ontem quando fui buscar a primeira coisa que me disse, com um grande sorriso foi:
- Hoje ganhei uma cara linda, papá!

É tão bonito o mundo simples das crianças!

9 Comments:

Anonymous maria said...

parabens por essas caras todas lindas...)

bjnhno

21/11/07 13:44  
Blogger mamã Xana said...

A C. também não gosta nada de ser repreendida na escola, o que felizmente é muito raro.

O mais importante são as caras felizes. :)

21/11/07 14:06  
Blogger gaiatA said...

São c0isinhas simples mas que c0ntam e eles dão muito val0r!

Acredito que até devia dar pena a carinha dela de tristeza mas dep0is tudo pass0u!

Bjs à famelga*

21/11/07 16:51  
Blogger Cristina said...

Venham mais caras lindas. Há muito tempo que não passava por aqui... estava já com saudades das estórias da Mariana e do Pedro.

Um beijinho

22/11/07 18:18  
Blogger Mamã Petra said...

Viveriamos num mundo muito melhor se o vissemos com o olhar simples de uma criança, mas quando crescemso começamos a complicar. Tens um miminho no meu blog.

Beijinhos aos 4.

24/11/07 16:21  
Blogger SílviA said...

é por estas coisas das crianças ficarem a remoer nas caras feias que nao gosto de usar essa estratégia. A meu ver as crianças tem que se comportar bem nao por uma cara linda, mas porque percebem que é isso que devem fazer.

Mas como em tudo e em todas as areas existem maneiras diferentes de trabalhar :)

Ainda bem que ela já ultrapassou a cara feia :P

28/11/07 19:49  
Blogger Mrs. Sea said...

Se o mundo dos adultos fosse assim tão simples, não existiam tantas coisinhas más!
Bjins

29/11/07 11:04  
Anonymous Carina said...

Um dia também terei de lidar com as muitas caras feias que a minha Mariana vai apanhar. Mas consigo ver-me angustiada no futuro quando isso acontecer.
Concordo com o que a Sílvia disse.

Mas ainda assim adorei o blog que conheci recentemente... não faço ideia como.

Gostava só que tivesse mais actualizações.

Muitas caras Felizes :)

29/11/07 12:19  
Blogger Cláudia said...

lol
Que pena no 1º ciclo já não ligarem nenhuma às caras que levam no caderno... Nem os pais!
lolol

Bjs grandes

Será que deixam de ser crianças quando chegam ao 1º ano e passam a ser monstrinhos desafiadores?

24/12/07 18:22  

Enviar um comentário

<< Home