domingo, outubro 26, 2008

Relato da nossa vida (?) familiar actual

Ah e tal que agora já quase não escreves no blog e quase que nem nos vemos e assim era uma maneira de irmos sabendo como é que vocês estão e mais não sei o quê...
Facto: quase deixei de escrever aqui!
Facto: passo imenso tempo sem ver os meus amigos. Daqueles amigos, amigos, daqueles que podemos estar meses sem ver e quando encontramos falamos sinceramente de tudo, sem estar a fazer "fretes".
Facto: raramente tenho oportunidade de responder a quem ainda me deixa comentários (coisa que aprecio muito, quer pelas palavras carinhosas quer pelo simples facto de "perderem" tempo a escrever qualquer coisa que seja)!
Facto: deixei de seguir alguns blogs que muito apreciava e que eram propriedade de pessoas com quem trocava comentários de forma frequente!

Mas tudo isto tem uma razão... ou melhor, várias razões:
- Continuamos ambos a trabalhar por turnos, num trabalho que não se compadece com fins de semana ou feriados;
- A minha Gaivota está no 2º ano do seu Curso de Especialidade em Coimbra, em fase de estágios. Com isto quer dizer que vai 3 dias por semana a um Hospital de Coimbra fazer turnos e... nos restantes 4 dias da semana cumpre o horário de trabalho normal na nossa instituição. Resultado: folgas... 0!
Junta-se a isto os inúmeros trabalhos que um curso de especialização exige, mais o estudo inerente ao desempenho necessários em locais de estágio de diversas valências.
- Este ano também colocámos o pequeno (com 2 anos) na "natação para bebés", tal como tínhamos feito à mais velha, 2 vezes por semana. A pequena continua também na natação, igualmente 2 vezes por semana. Resumindo andamos a correr para a piscina 4 vezes por semana, uma vez que não foi possível conciliar as aulas dos dois nos mesmos dias.
- Continuo embrenhado (ou atolado talvez seja a expressão mais adequada) em trabalho na associação em que participo voluntariamente. Desde início de Setembro tive apenas um fim de semana completo sem nada relacionado com essa associação. As reuniões sucedem-se, com a média da hora de fecho a andar por volta das 02:30h da manhã. As deslocações também são frequentes e a quilometragem dos carros sobe assustadoramente, bem como se encurtam os intervalos entre as revisões.

E pronto... basicamente, é "só por isto" que tenho escrito pouco.
É verdade que o cansaço me retira muitas vezes vontade de vir aqui postar. Por outro lado, se calhar, não estou tão atento às "estórias" que possam surgir. A ver se mudo isto...

Do que mais gosto por estes tempos é ter "resmas de gente" a dizer: "Vocês são doidos. Eu não sei como é que vocês aguentam. Se fosse eu não aguentava..."
Pois... às vezes nem eu sei como é que aguentamos.

Uma das coisas que mais me tem custado este ano está a ser o facto de ter deixado de jogar futebol de 5, num campo de relva sintética. Era das coisas que mais prazer me dava! Tentava jogar duas vezes por semana e adorava o jogo em si, para além dos benefícios em saúde que me trazia.
Como andava a ficar preocupado com a falta de exercício tomei uma "decisão executiva": agora quando levo a garota à piscina, em vez de a ficar a ver, vou eu também dar umas braçadas. Fiz isso a primeira vez na 6ª feira e... fiquei aterrado com a minha condição física. Numa palavra: la-men-tá-vel!

Que este ano lectivo acabe depressa, por favor!

4 Comments:

Blogger Vanessa said...

Vocês são fortes e aguentam. Quando existe amor em casa, tudo é possível!
Beijinhos a todos.

27/10/08 13:16  
Blogger Mammy Nina said...

Pai babado:
há cerca de um ano que acompanho deliciada, sim, deliciada é a expressão correcta, as suas estorias. Elas fazem-me rir,chorar e pensar em como é bom saber que há por aí pessoas com o verdadeiro conceito de familia. Fui mãe este ano pela primeira vez e dou por mim a pensar que gostaria de ter um registo assim para a minha boneca e para os demais que virão..admiro a sua entrega na vida pessoal,profissional e como cidadão. Devo dizer que tem o dom da palavra:a forma de expressar os sentimentos e pensamentos cativa..e tal como o principezinho de Saint exupery dizia o essencial é invisivel ao olhar. Parabens pelo principezinho que existe em si.
Felicidades para os 4!

27/10/08 19:41  
Blogger Ana said...

eh caraças, que até fiquei sem folego!

força miudos

xxx

A

28/10/08 10:33  
Anonymous Avó said...

Boa pai!
Dois em um.
Leva a garôta à piscina e aproveita dando umas braçadas.
O tempo parece que passa mais rápido e deixa de olhar para as horas.
Não podia fazer melhor.
Um abraço.
Avó.

2/2/09 22:06  

Enviar um comentário

<< Home