terça-feira, março 02, 2010

Adoro...

Se há coisa que sempre aprecio é a imaginação!
E não há altura melhor na vida para dar asas a essa imaginação do que quando somos crianças. Quando somos crianças tudo nos é permitido: vamos dar saltos enormes, vamos rugir mais alto do que qualquer leão, vamos ser o animal mais espectacular à face da Terra.
Também não há qualquer dificuldade ou impedimento que nos impeçam de obter a nossa felicidade. Arranjamos sempre maneira...

O meu Pedro é artista nestas coisas. Imaginação não lhe falta: as paredes da casa são estradas perfeitas para os seus carrinhos, ele é um comboio fabuloso que apita quando anda na linha, é um animal selvagem e feroz que persegue a irmã pela casa fora...

Há dias, na banheira, estava ele todo entretido com a pilita encostada a um dos seus inseparáveis carrinhos (devia ser um Faísca Macqueen, o Chick ou talvez o Rei). A mãe, reparando, perguntou:
- Porque é que estás com a pila encostada ao carro, Pedro?
- Tou a "pô gaxulina", mamã!

Lindo!

2 Comments:

Anonymous Anónimo said...

O máximo. É que até está bem pensado. Ainda me estou a rir.

Um beijinho

Helena

3/3/10 12:49  
Blogger continuando assim... said...

convite para seguir a historia de Alice, lá no

-- continuando assim... ---
vai no capítulo 4 , é melhor seguires já senão perdes o fio à meada :)

boa semana :)

bj
teresa

9/3/10 02:53  

Enviar um comentário

<< Home